Saudades do Brasil em Portugal

Há pouco mais de um ano reencontrei quem nunca havia conhecido. Por haver laços de sangue entre mim e essas pessoas, o meu coração sentiu um reencontro. Como se toda a vida as tivesse conhecido, mesmo não lhes reconhecendo as feições, mesmo que milhares de quilómetros teimassem em separar-nos. O Brasil foi, é e será sempre uma paixão, que hoje sei explicar, que ao apertar aquelas pessoas eu soube encontrar o sentido. Há coisas que o nosso coração recebe primeiro do que a nossa cabeça e no meu, aquelas pessoas já pertenciam, mesmo antes de lhes poder tocar, de lhes poder guardar os sorrisos. É em momentos como aquele, que reconheço o sentido da palavra Família, dessa união que não escolhemos, mas que nos está destinada. Naquele momento, entre um mar de sorrisos e lágrimas, eu conheci mais uma parte da pessoa que sou e a qual quero e preciso de reencontrar. Breve, muito breve. O sal das minhas lágrimas de amor/ Criou o mar que existe entre nós dois/Para nos unir e separar. 

2 thoughts on “Saudades do Brasil em Portugal

  1. Renata Russo diz:

    Reciprocidade. Espero que existe essa palavra no dicionário de vocês, pois é a única que achei para dizer o que senti ao ler o seu texto. Que seja breve mesmo. Saudade eterna!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: