A casa nova

Gosto da janela das escadas que espreita para o rio. Gosto de abrir as portadas e ver o Santo António. Gosto de descer a rua e estar na Sé Velha, no Quebra-Costas ou na Baixa. Gosto do café da manhã em casa da vizinha. Gosto das ruelas estreitas, dos degraus inclinados e dos becos e recantos. Gosto de acordar e ouvir sempre uma língua diferente. Gosto de estar rodeada por casas antigas que estranhamente combinam com graffitis de intervenção. Gosto de estar entre duas bibliotecas. Gosto desta casa que todos os dias me lembra de que precisamos de muito pouco para sermos felizes e de que praticamente nada do que sabe verdadeiramente bem tem preço.

One thought on “A casa nova

  1. tekas diz:

    e eu gosto de gostar tanto de ti

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: