Castelo de cartas

Há feridas que nunca saram. Os anos passam e ensinam-nos a viver com essas marcas, com o que soubemos fazer delas, mas há sempre um momento, de quando em quando, em que somos relembrados de tudo o que as criou. Um momento em que viajamos no tempo e como por magia ainda está tudo lá. Ninguém tem o poder de esquecer o dia em que o castelo de cartas desaba. O dia em que tudo o que parecia lógico se derruba e a única coisa que fica é um deserto. A perpetuação da mentira, a descoberta de se ter coabitado com ela por demasiado tempo e a raiva de não se ter visto, de não se ter percebido antes. O maior problema da mentira é quando o seu tamanho se alastra no tempo e no espaço. Quando percebemos que é tão forte e tão pesada que nos obriga a meter quase tudo em questão. Por mais filmes que se veja, por mais livros que se leia, nada ajuda nem alivia quando o mundo que desaba é o nosso. Nada nos prepara para uma realidade que contraria as nossas crenças, os nossos princípios e as verdades com que acreditávamos viver. É realmente verdade que o que não nos mata torna-nos mais fortes mas é igualmente verdade que também nos rouba aquela ingenuidade pueril com que seria tão mais fácil viver. Há uma frieza que nasce em nós, uma desconfiança que se instala e algo que morre. Há feridas que ficam tatuadas em nós e se tornam parte da pessoa que somos. O tempo não cura tudo e definitivamente não apaga aquilo que alguém deliberadamente deixou em nós.

One thought on “Castelo de cartas

  1. tekas diz:

    o que o tempo nunca apaga a gente finge que esquece.
    amanha é sempre um novo dia…….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: